Minha carreira - Primer RH

Matriz SWOT: cinco perguntas sobre a ferramenta de planejamento

19 de agosto de 2019

Planejar é uma tarefa difícil. Ainda mais se você não sabe por onde começar.

 

A matriz SWOT ou FOFA, traduzida do inglês como Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças, é um método de análise usado em planejamentos por pessoas e instituições visando melhorar negócios, pontos de carreira e o meio ambiente que você estiver inserido. Fazer essa análise é um bom jeito de visualizar mais claramente os pontos positivos e negativos da vida profisional e empresarial.

A essência dessa matriz é descobrir o que você faz bem; como você poderia melhorar; se você está aproveitando as oportunidades ao seu redor e se há mudanças no mercado.

O que é a matriz SWOT?

 

É um esquema em tabela de quatro espaços onde se lista as forças (strengths) e fraquezas (weaknesses), as oportunidades (opportunities) e ameaças (threats) encontradas dentro do ambiente externo e interno. Isso determina como cada uma das forças podem fazer surgir oportunidades ou proteger de ameaças. E, da mesma forma, como e quais as fraquezas devem ser reparadas para que oportunidades não sejam desperdiçadas ou ameaças afetem dramaticamente os resultados.

Como fazê-la e usá-la?

 

Em alguns passos simples, saiba como fazer sua matriz FOFA e melhorar seus resultados.

1 — Pegue uma folha em branco.

2 — Desenhe duas linhas para fique dividida em quatro partes.

3 — Nomeie esses espaços:

Forças no quadro superior esquerdo;

Oportunidades na quadro inferior esquerdo;

Fraquezas no quadro superior direito; e

Ameaças no quadrante inferior direito.

As Forças e Fraquezas correspondem ao ambiente interno e as Oportunidades e Ameaças ao ambiente externo.

Sua matriz ficará desta maneira:

Exemplo de matriz SWOT

 

Quais são seus objetivos?

 

Essa análise permitirá identificar suas atividades principais e identificar o que você faz bem e por quê. Também irá apontar você para onde você pode ir para aproveitar melhor as oportunidades, e destacar áreas de melhoria em que as mudanças precisam ser feitas para tirar o máximo de si. Assim, também te alertará sobre coisas negativas que estão perto de acontecer.

Seu objetivo principal durante esse exercício é ter honestidade na listagem de pontos fracos e ter atenção nas possíveis e reais ameaças.

E nada de modestia listando pontes fortes. Valorize-se.

Você pode ser bom em certos pontos, mas em alguns momentos, você precisará de ajuda e não há nada de errado nisso. É bom que você não realize a matriz em sua própria companhia. Faça em dupla, trio ou em grupo, para maiores e diversificados resultados. Desse modo, você não terá somente um ponto de vista.

Outra boa ideia é considerar suas fraquezas com mais cuidado e elaborar formas de abordar os problemas, transformando-os para criar uma oportunidade.

Encare as oportunidades como fatores externos. Transformar as fraquezas, do ponto de vista interno, pede um bom uso de criatividade. Inove seu modo de pensar sugerindo formas de melhorá-las para se abram novas portas para você.

Quando e onde você desenvolve uma análise SWOT?

 

Uma análise SWOT geralmente é criada durante uma sessão de planejamento que permite várias horas para brainstorming e análise. Os melhores resultados ocorrem quando o processo é colaborativo e inclusivo. Contudo, ele também pode ser feito em sessões mais curtas, quando é preciso uma olhada rápida na situação geral da empresa.

Ao fazer a análise, as pessoas são convidadas a agrupar seus conhecimentos e experiências individuais e compartilhadas. Quanto mais relaxado, amigável e construtivo o cenário, mais verdadeira, abrangente, perspicaz e útil sua análise será.

 

O que evitar?

 

— concentrar-se em alguns problemas (geralmente grandes e óbvios);

— completar sua análise por conta própria;

— usar apenas a matriz SWOT como ferramenta de planejamento;

— confiar que a análise irtá fornecer todas as respostas.

 

Concluindo, o processo SWOT básico é preencher as quatro áreas, mas o verdadeiro benefício é ter uma visão geral de tudo em cada área, em relação a todas as outras. Esta análise comparativa fornecerá uma avaliação que une forças externas e internas para ajudar a sua carreira a prosperar.

Compartilhe